Review – Minecraft: Story Mode – Episódio 4: A Block and a Hard Place

(Atenção, caso você não tenha jogado os episódios anteriores, este review terá alguns spoilers inevitáveis).

A esperança que este quarto episódio de Minecraft: Story Mode pudesse continuar com a ótima estrutura e qualidade do anterior infelizmente foi em vão. A Block and a Hard Place é um exercício de paciência, com situações forçadas, revelações nada empolgantes, quebra-cabeças bobos e chatos, uma falta de humor deprimente e quase duas horas de monotonia total. Quando eu digo “quase”, é que (por incrível que pareça) algumas cenas ainda funcionam e mostram lampejos de empolgação, mas são limitadas somente aos minutos finais do episódio, aonde a(o) protagonista Jesse encontra seu último desafio. Curiosamente, a “saga” para salvar o mundo é concluída neste quarto episódio e a Telltale deixou o quinto capítulo para – aparentemente – mostrar o futuro dos personagens.

Em “A Block and a Hard Place”, Jesse e seus amigos devem ir até as “Far Lands” (as terras aonde terminam o mundo de Minecraft) e encontrar o laboratório de Ivor, um dos membros da Order of the Stone. Somente com os segredos encontrados neste local é possível finalmente salvar o mundo do temível Wither Storm. O episódio se inicia com uma cena de ação a princípio interessante, mas os diálogos e a falta de uma trilha sonora adequada, fazem com que a cena fique rapidamente monótona. Antes de continuar, gostaria de fazer uma observação com relação a trilha sonora, que para mim é uma das principais ofensoras da falta de coração de Minecraft: Story Mode e isto vem se repetindo em cada episódio.

sgp_minecraft_story_mode_ep4_1

Fiel ao seu material original, a Telltale optou por utilizar na trilha sonora do jogo, praticamente somente músicas da trilha original de Minecraft. Quem conhece o jogo da Mojang sabe que nenhuma das músicas de Minecraft passam emoção ou tensão necessárias para uma cena de um jogo de aventura. As músicas de Minecraft são somente contemplativas, com alguns dedilhados no piano ou no violão. Por isto, a Telltale falha ao utilizar este tipo de trilha em uma cena recheada de ação, que precisa passar para o jogador a tensão do momento. Certas situações chegam a ser bizarras, aonde você só consegue ouvir a dublagem e alguns efeitos sonoros enquanto a trilha musical segue praticamente muda no fundo.

Momentos aonde a trilha sonora funciona, como na exploração, são estragados por outros motivos. Como exemplo, os quebra-cabeças deste quarto episódio, além de extremamente simples e bobos, são totalmente entediantes. Além disso, no mesmo momento que você está “solucionando” um desafio, um dos personagens resolve narrar toda a história da Ordem da Pedra. Isto não só é bizarro (devido ao momento urgente na qual você se encontra no jogo) como também poderia ter sido feito no primeiro ou segundo episódio, tornando mais interessante a introdução de cada novo personagem.

Esta narração dos acontecimentos anteriores serve de gatilho para a “grande revelação” sobre a Ordem da Pedra logo em seguida. Chega a ser engraçado como o jogo faz força para que a revelação seja bombástica, enquanto a maioria dos jogadores provavelmente já desconfiava da mesma a dois ou três episódios atrás. Os diálogos que tanto reclamei, são ainda mais limitados neste quarto episódio e a falta de humor é deprimente. Como exemplo, na montagem inicial, aonde Jesse e seus amigos viajam à cavalo para as terras longínquas, além de utilizar um efeito de passagem de tempo batido, o jogo ainda nos dá opções de diálogo sem inspiração, como Jesse fazendo várias vezes a velha piadinha do “Já chegamos?”.

sgp_minecraft_story_mode_ep4_4

A Block and a Hard Place ainda aproveita para tentar nos dar um último suspiro de drama, com o trágico destino de um dos mais carismáticos personagens no final. O grande problema é que tudo parece forçado, apenas para tentar incluir um pouco de emoção no game. Inclusive a cena seguinte, aonde Jesse lamenta o acontecido é curtíssima e o jogo logo já corta para uma piadinha sem graça. Como vocês podem perceber, a maioria das minhas críticas em relação a Story Mode foram centradas no roteiro do game, a opinião de outros jogadores pode ser diferente neste quesito que tanto me decepcionou.

Porém, o principal detalhe que para mim faz deste um dos trabalhos mais fracos da Telltale, é justamente a falta do conteúdo que fez a desenvolvedora tão famosa: decisões e consequências. Estamos no quarto episódio, que pode ser considerado o fim da história principal do game e foram raríssimos os momentos nos quais decisões que fiz no passado afetaram algo no futuro. Mesmo aquelas que tem algum efeito são apenas temporárias ou parecem forçadas. Resta saber o que a Telltale pretende fazer com o quinto capítulo. Se a intenção for contar uma história avulsa, com começo, meio e fim, pode ser que funcione muito bem, do contrário, teremos apenas mais um episódio sem inspiração, que servirá para fazer ligação com uma possível segunda temporada de Minecraft: Story Mode.

  • Este review de Minecraft: Story Mode foi feito no PlayStation 4, com uma cópia do game enviada para nós pela Telltale.
  • Confira o nosso review do primeiro episódio “The Order of the Stone”, do segundo “Assembly Required” e do terceiro “The Last Place You Look”.
(Atenção, caso você não tenha jogado os episódios anteriores, este review terá alguns spoilers inevitáveis). A esperança que este quarto episódio de Minecraft: Story Mode pudesse continuar com a ótima estrutura e qualidade do anterior infelizmente foi em vão. A Block and a Hard Place é um exercício de paciência, com situações forçadas, revelações nada empolgantes, quebra-cabeças bobos e chatos, uma falta de humor deprimente e quase duas horas de monotonia total. Quando eu digo "quase", é que (por incrível que pareça) algumas cenas ainda funcionam e mostram lampejos de empolgação, mas são limitadas somente aos minutos finais do episódio, aonde a(o) protagonista Jesse encontra seu último desafio. Curiosamente, a "saga" para salvar o mundo é concluída neste quarto episódio e a Telltale deixou o quinto capítulo para - aparentemente - mostrar o futuro dos personagens. Em "A Block and a Hard Place", Jesse e seus amigos devem ir até as "Far Lands" (as terras aonde terminam o mundo de Minecraft) e encontrar o laboratório de Ivor, um dos membros da Order of the Stone. Somente com os segredos encontrados neste local é possível finalmente salvar o mundo do temível Wither Storm. O episódio se inicia com uma cena de ação a princípio interessante, mas os diálogos e a falta de uma trilha sonora adequada, fazem com que a cena fique rapidamente monótona. Antes de continuar, gostaria de fazer uma observação com relação a trilha sonora, que para mim é uma das principais ofensoras da falta de coração de Minecraft: Story Mode e isto vem se repetindo em cada episódio. Fiel ao seu material original, a Telltale optou por utilizar na trilha sonora do jogo, praticamente somente músicas da trilha original de Minecraft. Quem conhece o jogo da Mojang sabe que nenhuma das músicas de Minecraft passam emoção ou tensão necessárias para uma cena de um jogo de aventura. As músicas de Minecraft são somente contemplativas, com alguns dedilhados no piano ou no violão. Por isto, a Telltale falha ao utilizar este tipo de trilha em uma cena recheada de ação, que precisa passar para o jogador a tensão do momento. Certas situações chegam a ser bizarras, aonde você só consegue ouvir a dublagem e alguns efeitos sonoros enquanto a trilha musical segue praticamente muda no fundo. Momentos aonde a trilha sonora funciona, como na exploração, são estragados por outros motivos. Como exemplo, os quebra-cabeças deste quarto episódio, além de extremamente simples e bobos, são totalmente entediantes. Além disso, no mesmo momento que você está "solucionando" um desafio, um dos personagens resolve narrar toda a história da Ordem da Pedra. Isto não só é bizarro (devido ao momento urgente na qual você se encontra no jogo) como também poderia ter sido feito no primeiro ou segundo episódio, tornando mais interessante a introdução de cada novo personagem. Esta narração dos acontecimentos anteriores serve de gatilho para a "grande revelação" sobre a Ordem da Pedra logo em seguida. Chega a ser engraçado como o jogo faz força para que a revelação seja bombástica, enquanto a maioria dos jogadores provavelmente…

5.8

Medíocre

Veredito Final

O ótimo terceiro capítulo me deu esperanças de que a Telltale poderia dar a volta por cima com Minecraft: Story Mode, mas infelizmente este não foi o caso. A Block and a Hard Place é um exercício de paciência, com situações emocionalmente forçadas, quebra-cabeças bobos e entediantes, revelações que estão longe de serem bombásticas e uma falta de humor constante. O game termina sua história principal já neste quarto capítulo, com um final sem graça e previsível, que não é salvo nem pela ótima sequência final de combate. O quinto episódio irá contar o futuro dos personagens e se for uma história avulsa, pode até ser interessante, mas provavelmente servirá apenas como ponte para uma eventual segunda temporada.

Nota
6

Co-fundador e editor da SuperGamePlay. Fanático por games, já quebrou diversos controles jogando Decatlhon no Atari e passou incontáveis horas soprando cartuchos de Super Nintendo. Hoje passa o tempo livre em meio a centenas de jogos, dos mais variados estilos e plataformas.