Melhoria gráfica e variantes de luta resumem experiência de Mortal Kombat X

Devo confessar que cheguei para testar Mortal Kombat X na Brasil Game Show 2014 com expectativa já nas alturas, o que pode ter atrapalhado minha experiência. O jogo estava disponível para teste no estande da Warner Bros. durante o evento que terminou neste domingo, e era certamente um dos mais requisitados do estande, por ser uma série tão querida e que acertou tanto em seu último jogo, lançado em 2011. No entanto, apesar de oferecer algumas novidades e diversas possibilidades, Mortal Kombat X não me impressionou tanto.

Jogando contra outra pessoa, pudemos recriar o clássico duelo entre Sub-Zero e Scorpion, eu assumindo o papel do Sub-Zero. A diferença mais gritante é certamente as variantes nos estilos de luta, que agora devem ser selecionados logo após a seleção do personagem. São três estilos de luta para cada personagem, e sem saber muito bem as qualidades de cada um, acabei escolhendo o chamado “Unbreakable”, um estilo mais focado na defesa e em golpes mais pesados. Quando a luta começou, já me decepcionei um pouco, pois esperava gráficos mais impressionantes, o que não acontece nesta nova versão da série, apesar de contar sim com uma melhora significativa. A demonstração estava disponível em um Xbox One.

Em relação ao gameplay, tudo pareceu tão familiar que me senti jogando o Mortal Kombat lançado em 2011, desde os golpes, que claro, possuíam algumas variações, até os famosos ataques de raio X, que ainda são bem brutais e divertidos de assistir. A violência excessiva é novamente o grande atrativo do game. Uma boa novidade é o uso do ambiente, assim como visto em Injustice: Gods Among Us, também desenvolvido pela NetherRealm Studios, o que oferece ainda mais possibilidades durante as lutas. Fora isso, nada realmente impactante está presente no novo game.

No entanto, os diferentes estilos de luta de cada personagem devem oferecer muita diversão para os mais aficionados em aprender todos os golpes, dando também uma margem bem maior de variações possíveis, o que deve gerar algumas disputas bem interessantes. Para jogadores casuais de jogos de luta, não será tão diferente, talvez até mais difícil, já que serão mais possibilidades para memorizar, mas certamente é uma inclusão bem vinda aos veteranos da série, que poderão explorar mais cada lutador, analisando as vantagens e desvantagens de cada estilo. Mortal Kombat X sai em 14 de Abril de 2015, com versões para PC, PlayStation 3, PlayStation 4, Xbox 360 e Xbox One.

Redator da SuperGamePlay, se apaixonou por videogames na primeira vez que jogou Atari. Preza por uma boa história, é fanático por Metal Gear e está sempre em busca de bons jogos indies. Ama consoles, mas também não larga o PC. Tudo o que queria era mais tempo para terminar todos os jogos que gostaria.